Cuidado! Eu sou “de menor”

FERNANDO JORGE

 Fernando Jorge

Pois é.

Como explicar para a sociedade a seguinte contradição: Uma pessoa de 16 anos de idade pode ter a responsabilidade de votar, de decidir com quem fica os destinos do país e ao mesmo tempo não pode sofrer as punições da lei, quanto à crimes e etc. como se maior de idade fosse. É de fato uma tremenda contradição.

Vejo essa discussão rolando solta e cada um tem uma opinião. E a polêmica é sem fim. Não chegaremos a lugar nenhum com essa discussão.

Há quem defenda a redução, ou melhor, na verdade, a adequação da realidade. E existem aqueles que catam as inúmeras situações para poder justificar as suas opiniões. É claro que os dois lados possuem justificativas aos montes. Contudo, é só utilizar a coerência para resolver esse impasse. Fácil.

Vemos a cada dia inúmeros casos de crimes cometidos por pessoas menores de 18 anos, que são escolhidos pelos criminosos justamente pelo fato de haver a impunidade para esses “menores”.

Acredito que esse debate deve atingir inevitavelmente toda a sociedade através de um plebiscito para poder acabar de vez a polêmica em torno do tema, do contrário esta discussão não terá no fim nos meios políticos.

Eu espero ansiosamente por essa decisão final. E você já se decidiu?

 Fernando JorgeContabilista e Cidadão.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *